15 de Maio

Uma novela solar

Eu amei!
A trilha sonora, de cara, nos arrebata.
A direção de fotografia nem se fala: imagens, mares, céus que são, sim, a praia dos Brasis roubados, descomungados e destruídos por tanta incompetência política.
Cantar - ou, se preferir: assistir - à nova novela da Globo, Segundo Sol, que estreou ontem é, de cara, uma delícia!
As músicas, reinventadas, trazem a Bahia de uma década atrás - e ou ainda mais antiga, numa trilha sonora espetacular.

A luz da novela é avassaladora. Nascentes, poentes, céus estrelados piscando no coração da gente como a cena dos protagonista Antonelli e Dantas na frente de um farol.
Barcos que rasgam mares, casinhas de taipa luminosas, rios, mares e uma luz incrível!

O texto nos toma igualmente, numa pressa de se viver desarvoradamente.
Tempo voa, nas mãos de João Emanuel Carneiro e Denis Carvalho! Tempo bom, viveremos na sua companhia próximos meses.

Segundo Sol é linda, luminosa e, de verdade, um encanto que vai nos prender para sempre, tenho certeza!

Voltar